Direcionar

Procurando algo?

10 de mai de 2008

Quem disse que não dá para ver vídeo no iPod?

Quando se fala em iPod, logo se pensa em música, certo? Lógico. Afinal, o aparelhinho da Apple e sua loja virtual, o iTunes, mudaram todo o rumo da indústria fonográfica. Mas o tocador dos inconfundíveis fones brancos tem outras funções que muita gente prefere deixar de lado - assistir a vídeos é uma delas.

Desde 2005 existem modelos de iPods que permitem visualizar filmes, clipes musicais e seriados. Mas por que será que quase ninguém que você conhece faz isso? Até o ano retrasado, a desculpa mais escutada era o tamanho da tela do iPod, um pouco maior do que uma caixa de fósforos.

Com o iPhone e seu irmão mais pobre iPod Touch (muito semelhante, mas sem função de celular), esse lamento cai por terra: a tela é de 3,5 polegadas e sensível ao toque. Então chegou a hora de lotar os aparelhinhos de vídeos?

Se você é brasileiro (ou melhor, não é americano, canadense, neozelandês ou europeu), a resposta infelizmente é não. E a "culpa" é do Steve Jobs, o homem da Apple.

Explica-se: o iTunes Store, que vende músicas e vídeos pela internet, não funciona no Brasil e praticamente em nenhum outro país em desenvolvimento. Nos EUA, em vários países da Europa, no Canadá e na Nova Zelândia, a loja virtual da Apple disponibiliza vários filmetes com boa resolução e no formato específico do iPod, o MPEG-4.

É só entrar no site e comprar o material escolhido, que irá diretamente para a pasta do iTunes. Para transferi-lo para o iPod é um pulo. Não há dúvida de que o iPod é uma invenção de primeira, mas sem sua cara-metade, a loja iTunes, ele fica capenga. É uma pena que a Apple não se esforce para oferecer a mesma experiência a todos.

Jeitinho

Mas, se a loja iTunes é inacessível, o que fazer? O jeito é se virar e ter (muita) paciência. Se quiser passar um vídeo que tenha armazenado no seu computador para o iPod, terá de checar se o formato dele é o tal MPEG-4. Se não for, o iPod não o reproduzirá. Para transformar um arquivo de vídeo AVI ou DivX, é preciso um software conversor (leia abaixo).

Achar um programa do tipo na web é bem fácil, o chato é o enorme tempo que se leva para fazer a tal conversão. Um clipe de 4 minutos pode levar mais de meia hora para ser convertido para o padrão do iPod.

"É um trabalho muito grande e que às vezes tem um resultado insatisfatório", diz o empresário Luciano Bissolati, de 27 anos. "Não dá para ver um filme inteiro no iPod: 80% do que assisto são clipes e séries, coisas pequenas."

Até pouco tempo Bissolati tinha um iPod Video - agora tem o Touch, com Wi-Fi embutido. Como sua casa tem ponto de internet sem fio, lá ele não precisa converter mais nada para o iPod. "Entro no YouTube e vejo o que quero diretamente."

As informações são do O Estado de S. Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário